O Templo e Instituto Lohan (羅漢寺) foi inaugurado em 1995 na capital de São Paulo por Luis Mello (路易斯) com o objetivo de ser um centro de treinamento e prática de um grupo seleto de amigos que se encontravam semanalmente para treinar as Artes Marciais Chinesas de maneira intensa e dedicada no Parque do Piqueri na zona leste da capital. Logo Shifu Luis Mello (路易斯 師父) passou a aceitar discípulos transmitindo a eles sua árdua experiência em diversos estilos de Wushu como Wing Chun, Hung Gar, Garra de Águia, e Sanda, estilos estes, aprendidos desde os seus onze anos de idade a partir da escola de Mestre Marco Natali, um pioneiro no ensino do Kung Fu no Brasil.

Inspirado por Shifu Pedro Paulo, o primeiro Sul-americano a visitar o Templo Shaolin em 1992 e estudar com Shi Deyang e seu famoso discípulo Yu Xing (Shi Xing Yu), monge Shaolin que mais tarde tornou-se ator do filme “Shaolin 2011”, então Luis Mello começa a ter uma profunda afinidade com o Verdadeiro Kung Fu ancestral de Shaolin passando a ter como sua nova meta tornar-se discípulo de Mestre Shi Deyang e desenvolver o Shaolin Kung Fu no Brasil. Mas incontáveis dificuldades e provações karmicas surgiram no caminho de Luis Mello e do Templo Lohan fazendo com que este objetivo fosse interrompido por muitos anos.

Em abril de 1992, o Venerável Mestre Hsing Yün fora convidado para oficiar a consagração do Templo Budista Kuan Yin em São Paulo, ocasião na qual estavam presentes à cerimônia o senhor e a senhora Chang, generosos discípulos, que doaram o sítio da família que deu lugar ao Templo Zu Lai. Dentre a comitiva de monges que acompanhavam o Venerável Mestre, a Reverenda Jue Cheng (Mestra Sinceridade), ficou incumbida de aqui permanecer para propagar o Dharma. Shifu Luis Mello se tornou discípulo de Jue Cheng participando da Cerimônia dos Três Refúgios (Budha, Dharma e Shanga) recebendo o nome budista de Shi Kwan Tao (释觀道) – “Observando o caminho”.

A partir daí deu início a um profundo estudo da cultura chinesa, Qigong, Meditação Cha´n, Caligrafia, Medicina, Literatura Clássica Chinesa, Taoismo, filosofia Budista, Shaolin Kung Fu e artes tradicionais.

O pequenino e modesto Templo Lohan tornou-se um local comprometido com a transmissão do Verdadeiro Kung Fu no Brasil que é a prática da tradição Cha´n & Quan (禪拳) – Meditação e Kung Fu ou mais precisamente Cha´n Wu Yi(禪武醫) – Meditação Budista, Kung Fu e Medicina tradicional chinesa.

Mestres Shaolin vieram ao Brasil realizar cursos, palestras e seminários, e o Templo Lohan esteve presente em todas estas oportunidades de aprendizado como o paisagista especialista em Shaolin Quan, Senhor Yin (陰) em 1994, os Shows do Taiji Kung Fu Group em agosto de 2002 que tinha como Instrutor-chefe o hábil Guerreiro Shaolin Shi Yangtao que fora integrante do famoso Show “Wheel of Life” e em maio de 2009, o grupo de monges com a peça teatral “The Legend of Kung Fu”.  Mas foi em novembro de 2004 que a comitiva oficial do Templo Shaolin liderada pelo Venerável Abade Shi Yongxin esteve no Brasil, realizando shows de Kung Fu no Credcard Hall. Recepcionados diretamente pela Mestra Sinceridade, abadessa do Templo Zulai, os monges Shaolin realizaram uma cerimônia budista, bem como palestras, cursos e apresentações exclusivas no Templo Zulai, onde Shifu Luis Mello lecionava Kung Fu e meditação Cha´n e pôde estar próximo dos monges, estreitando as relações culturais, técnicas e espirituais.

Durante muitos anos, o Templo Lohan foi o local de prática de centenas de alunos e admiradores do Kung Fu, formando professores, técnicos, monitores e graduados em Shaolin, Sanda, Qin Na, Qi Gong, Dança do Leão, Tai Ji Quan, Suai Jiao, Wing Chun, Hung Gar e Budismo Cha´n, criando uma família Kung Fu com as características tradicionais da arte.

Em 2014, Shifu Luis Mello viajou à China, onde visitou e realizou práticas em diversas escolas célebres como a Beijing Wing Chun Association (北京詠春協會) com Shifu Wang Zhi Peng, Epo Shaolin Kung Fu College (Epo Zhuan Xiu Yuan – 鹅坡专修院) de Dashi Liang Yi Quan um dos Top Ten Masters da China Moderna, TaGou Xue Xiao (塔沟学校) – Maior escola de Shaolin Kung Fu do mundo, Beijing Shichahai Sports School e o lendário Templo Shaolin.

Durante seus 20 anos de existência, o Templo Lohan tornou-se conhecido em apresentações de Kung Fu e Qigong em programas como o “Super-humanos de Stan Lee América Latina” do History Channel, Fox para todos da rede FOX, Rede Globo, SBT, Canal Glitz, o canal chinês Le TV, Band TV, Rede Record e Gazeta, tornando Shifu Luis Mello um dos maiores divulgadores do Kung Fu e cultura chinesa no Brasil.

Finalmente em novembro de 2014, o destino kármico de anos atrás amadurecia. Luis Mello pôde se realizar participando do seminário com Da Shifu Shi Deyang em sua turnê de difusão da Cultura Shaolin pela América Latina. A partir de então estreitou os laços com Shifu Daniel Vera – Shi Xing Wu (释行午) e Yamila Melillo – Shi Xing Gong (释行宮), da 32° geração de Shaolin, professores da Escola Shaolin Quan Fa Guan Argentina (阿根廷少林拳法馆), sendo oficialmente convidado a tornar-se membro da entidade responsável em representar os ensinamentos do VenerávelMestre Shi Deyang mundo afora – Associação Internacional Shaolin Cha´n da América Latina (拉丁美洲少林禪國際協會), tornando assim o Templo Lohan núcleo oficial do Brasil, em São Paulo.

Em 2015 iniciou a restauração do antigo Templo Hon Dao Yen (Centro de difusão do Tao) na Liberdade transformando-o oficialmente na sede do Templo Lohan realizando reparos históricos na edificação tombada pela cidade de São Paulo. Em meados de fevereiro de 2015, por meio de Sifu Roberto Cefas, Luis Mello foi apresentado a Sifu Teddy Lai, um dos maiores especialistas em estilos de Kung Fu do Sul, tradições Kung Fu e armas chinesas, onde foi aceito como Túdì – 徒弟 – Aprendiz e  realizou o Bai shi (拜師) – Discipulado, tornando-se membro da genealogia do Lendário Wong Fei Hung (黄飞鸿), Dang Fong 鄧芳 (1879–1955) e Chow Wing Tak 周永德. Ao final de 2015 idealizou e realizou a vinda do lendário Mestre Shideyang no Brasil transformando o Templo e Instituto Lohan em locais definitivos da cultura Shaolin, bem como das tradições milenares do Kung Fu.